25 de abril de 2014

Dois Quartéis do Exército Português

Primeiramente fotos do “Escola Prática de Cavalaria” de Santarém, que depois de transferida, para Abrantes, em 2006, seria desativada em  2013.

De referir que foi em 1887, que foi criada a “Escola Prática de Infantaria e Cavalaria” com sede no “Convento de Mafra”. Em 1902, a Escola muda-se para Torres Novas. Com a Implantação da República Portuguesa, a 5 de Outubro de 1910, o exército sofre várias reformas. A “Escola Prática de Infantaria e Cavalaria”, vê a sua designação alterada para “Escola de Equitação”, em 1911. No entanto, pela limitação de funções que esta nova designação trouxe, muda, de novo, de nome para “Escola de Aplicação de Cavalaria”. Com a Revolução de 28 de Maio de 1926, volta a ter a sua designação original de “Escola Prática de Cavalaria”.

“Escola Prática de Cavalaria” em Santarém

 

        

 

De seguida fotos do “Regimento de Artilharia Ligeira 1 - RAL 1” que viria a ser mais tarde denominado de “Regimento de Artilharia de Lisboa - RALIS” , localizado na Avenida Dr. Alfredo Bensaúde em Lisboa, entre a Portela de Sacavém e Moscavide.

A partir de 20 de Maio de 1993, passou a “Regimento do Serviço de Transportes”.

Lembro que, após a revolução de Abril de 1974, em face das novas realidades do País e ao redimensionamento e reorganização do Exército, o “Grupo de Companhias de Trem Auto - GCTA” passa a designar-se, desde 7 de Abril de 1975, por “Regimento do Serviço de Transportes - RST”.

Posteriormente, em 1 Janeiro de 1977, o “Regimento do Serviço de Transportes - RST” muda a sua designação para “Batalhão do Serviço de Transportes - BST”, transferindo-se em Julho do mesmo ano, da Avenida de Berna para o Campo Grande, em Lisboa.

Em 20 de Maio de 1993, o “Batalhão do Serviço de Transportes - BST” transferiu-se para o Quartel da Encarnação, antigo aquartelamento do “Regimento de Artilharia de Lisboa - RALIS”, sede actual da Unidade, mantendo até aos finais de 2005 uma Companhia de Transportes Administrativos, anteriormente designada de “Companhia Auto de Transportes de Pessoal”, na Calçada da Ajuda, onde parqueavam as diversas viaturas administrativas da zona de Lisboa.

“Regimento de Artilharia Ligeira 1 - RAL 1” em Lisboa

 

 

 

 

A importância destas duas unidades do Exército Português, é sobejamente conhecida. A primeira no início das operações militares na revolução de 25 de Abril de 1974. A segunda palco dos acontecimentos de 11 de Março de 1975, que em consequência do mesmo …

       

fotos in: Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian

3 comentários:

Kruzes Kanhoto disse...

O juramento de bandeira que ilustra o post revela bem o estado a que isto chegou e o que esteve prestes a acontecer...

José Leite disse...

Utilizando o seu "nickname" sem K .... "cruzes canhoto" ...

Os meus cumprimentos

José Leite

Luís Baltazar disse...

E os que juraram isto... será que estão a cumprir o juramento??? :-)