2 de novembro de 2017

Cabeleireiro “Eva”

O Cabeleireiro "Eva", foi inaugurado no edifício "Palácio da Rotunda", na Praça Marquês de Pombal em Lisboa, em 8 de Dezembro de 1960. Propriedade da firma "Eva, Lda." dos cabeleireiros Manuel Brito e Manuel Nogueira, foi concebido e desenhado pelo arquitecto Eduardo Anahory.

Cabeleireiro “Eva” no 1º piso, por cima do Restaurante e Snack “Flórida” do “Hotel Flórida

1960

Manuel Brito já possuía o Cabeleireiro "Brito e Brito" no Chiado, desde 1951, em sociedade com seu irmão Armando Brito, cujo projecto de arquitectura também tinha sido da autoria do arquitecto Eduardo Anahory. Mais tarde, em 22 de Fevereiro de 1952, abriria outro na Avenida da Liberdade, que passava a ser a sede da empresa. Armando Brito abriria outro Cabeleireiro “Brito e Brito”, na Rua Rodrigues Sampaio, nos anos 60 do século XX, este desenhado pelo arquitecto Delfim Marques (colaborador de Eduardo Anahory no “Eva”) e que seguiu os mesmos princípios e soluções adoptados no “Eva”.

22 de Fevereiro de 1951

Lembro que o edifício “Palácio da Rotunda”, parte integrante do plano urbanístico desenhado pelo arquitecto Carlos Ramos, para a Praça Marquês de Pombal, promovido pela “Imobiliária Palácio da Rotunda, S.C.R.L.”, foi projectado, em 1954 pelos arquitectos Porfírio Pardal Monteiro e Jorge Ferreira Chaves. Este edifício integrou zona comercial, Restaurante e Bar do “Hotel Flórida (com o qual faria ligação interior com o edifício principal, na Rua Duque de Palmela), Snack-bar e “Grill Flórida”, o Cabeleireiro “Eva” que ocupou todo o 1º piso, por cima do restaurante, e o restante edifício seria ocupado por escritórios.

“Palácio da Rotunda” em acabamentos, já com a publicidade «Eva, Lda. para a elegância feminina»

O nome de "Eva" para este Cabeleireiro, foi sugerido pelo arquitecto Eduardo Anahory e aceite por Manuel Brito. «Um nome pequeno e feminino».

                                        1960                                                                                           1961

 

O grande salão do Cabeleireiro "Eva" com 315 m2 aproximadamente, incluía uma sala exclusiva para Manuel Brito, com divisórias em estrutura de aço e vidro serigrafado, e várias alas com bacias de lavagem, secadores e bancadas de corte e penteado.

 

Sala exclusiva do cabeleireiro Manuel Brito

 

Os tectos eram falsos em estrutura de madeira e acrílico opaco, fornecendo luz indirecta, complementada com candeeiros cilíndricos. As bacias de lavagem assentes em mármore verde de Viana. Os cadeirões onde estavam instalados os secadores de cabelo, incluíam encaixe para um pampo para pequenas refeições e uma cadeira desenhada por Eduardo Anahory, com sistema de regulação adaptando as costas a duas posições (na zona de lavagem).

 

Interior do Cabeleireiro “Eva”, em 2010

 

Manuel Brito faleceu em 2013, altura em que encerrou definitivamente o Cabeleireiro “Eva”, mantendo-se em actividade os Cabeleireiro “Brito e Brito”, na Avenida de Roma, na Rua Rodrigues Sampaio, ambos em Lisboa. O da Avenida da Liberdade também encerrou em 2010.

Último “Brito e Brito Cabeleireiros”, na Avenida de Roma

Bibliografia:

- Foi consultada a “Dissertação para obtenção do Grau de Mestre em Arquitectura”, de José António Braz Borges. IST   Outubro 2010. Desta foram retiradas algumas fotos e gravuras, agradecendo  a gentileza do seu autor, na cedência deste documento.

fotos in: Arquivo Municipal de Lisboa, Biblioteca de Arte-Fundação Calouste Gulbenkian, Hemeroteca Municipal de Lisboa, Lx60

6 comentários:

nuneser disse...

Excelente blog, parabéns. Fico muito consolado a ver estas postagens, para mim foi o mundo da minha infância que se perdeu, sou de 1958... Cumprimentos

José Leite disse...

Bom dia,

Grato pelas suas amáveis palavras.

Também sou de 1958 (Dezembro).

Os meus cumprimentos

Anónimo disse...

Bom... Sou BASTANTE mais novo (1965) mas mais uma vez o meu muito obrigado por estas excelentes memórias.

Cumprimentos,

João Branco

José Leite disse...

Caro João Branco

Grato pelo seu simpático comentário.

Quanto ao "BASTANTE" mais novo .............. só (!) 7 anitos de diferença ...... :-)

Cumprimentos
José Leite

Paula Brito disse...

Boa tarde quase noite.

Foi com profunda emoção que li este post. A minha meninice e juventude passou por estes espaços. Manuel Brito e Armando Brito são meus tios. Orgulhosamente o afirmo.

Permita-me uma pequena precisão - O Brito&Brito da Rodrigues Sampaio foi inaugurado por volta de 2010 (devido à demolição do prédio que ocupava na Avenida da Liberdade ) e mantém-se em funcionamento.

Quanto ao 'EVA', assisti a todo o processo, desde o sonho à realidade.

Obrigada!

Paula Brito

José Leite disse...

D. Paula Brito

Eu é que agradeço o seu email e a devida correcção à minha informação.

Os meus cumprimentos
José Leite