1 de março de 2016

Concurso de Raça Bovina de 1909

O "Concurso de Raça Bovina" teve lugar a 6 de Junho de 1909 no  Campo Grande, em Lisboa, organizado pela "Real Associação Central de Agricultura", no intuito de promover o desenvolvimento das raças que melhor se pudessem adaptar ao país. Este primeiro de uma série de concursos de raça bovina, que teria lugar por todo o país, teve lugar no mesmo que dia decorria a habitual feira mensal de gado do Campo Grande.

Concorreram 17 criadores com 85 animais e suas crias, tendo sido admitidos 42 que estavam nas condições do concurso, ao qual podiam concorrer não só os animais de pura raça bovina, mas «ainda os della derivados ou cruzados com raças holandêsas, sendo a classificação feita em tres grupos: toros, vacas e crias, com tres premios para cada grupo».

 

«A entrada do gado começou ás 9 horas, sendo todo examinado pela junta technica composta dos srs. Pimenta Rodrigues, Inspector do matadouro, e pelos médicos veterinários, srs. Pinheiro de Mello e Gomes Vieira. Alguns animaes por não serem das raças fixadas, ainda que bellos exemplares das raças hollandeza, flamenga, etc., foram regeitados, ficando no entanto, em exposição fóra do recinto do concurso.
Depois de examinados todos os animaes, procedeu o jury á sua inspecção e classificação pelo methodo da pontuação, que consiste em dar um determinado numero de pontos aos coefficientes zootechnicos escolhidos.» in: jornal “Portugal”

  

De referir que o Júri foi constituído por três médicos veterinários, Ildefonso Borges, Santos Viegas e Miranda do Valle, respectivamente nomeados pelo governo, pelo "Instituto de Agronomia e Veterinaria" e pela "Sociedade Portugueza de Medicina Veterinária", por um sócio da "Sociedade das Sciencias Agronomicas", Cincinatto Costa e por um sócio (criador) da "Real Associação Central de Agricultura", Manuel Brancaamp Soveral.

Lista de prémios no jornal “Portugal”

Na foto seguinte: «Sua Alteza o Senhor Infante D. Affonso, acompanhado do seu ajudante, chegou ao recinto pelo meio dia bem como o sr. ministro das Obras Publicas, sr. conselheiro Barjona de Freitas, conselheiro Alfredo Lecoq, director geral de Agricultura e os srs. conselheiro Oliveira Feijão, Eduardo Placido e Julio Torres, representantes da "Real Associação d'Agricultura".»

Fotos in: Hemeroteca DigitalArquivo Municipal de Lisboa

Sem comentários: