29 de outubro de 2015

Exposição Agrícola no Porto em 1903

A "Exposição Agricola e de Productos Mineraes", foi inaugurada por El-Rei D. Carlos I (1863-1908) a 17 de Agosto de 1903, no "Palacio de Crystal Portuense", na cidade do Porto.

Palacio de Crystal Portuense” onde decorreu o certame

As características e organização deste evento, são profusamente relatados no texto da revista “Occidente”, de Agosto de 1903, que transcrevo de seguida:

«A Exposição dividiu-se em duas secções, sete grupos de dezanove classes assim classificadas: productos de origem vegetal; productos agricolas não alimentares; productos alimentares das industrias ruraes e das que se acham em estreita correlação com ellas; productos das industrias não alimentares mais dependentes da agricultura; arvores frutiferas e fructos; productos hortenses e suas sementes; arvores, arbustos, plantas e flores; avicultura e aviarios; materiaes e processos das explorações agricolas e industrias correlativas; engenharia agricola, vehiculos acessorios; material e processos das explorações ruraes e das industrias agricolas; florestas e industrias que d'ellas derivam; caça, pesca, agricultura e colheitas de productos de diversas industrias que ineteressam á população rural do paiz e colonias; productos mineraes; produtos naturaes e agricolas; productos naturaes agricolas preparados pelas industrias immediatamente dependentes da agricultura por aquellas que se acham em estreita correlação com ella e material destinado ao estudo das nossas colonias.»

 

 

Quanto aos expositores, nada melhor que mais uma transcrição da revista “Occidente”

«Das demais installações destacam-se como dignas de especial menção e originalidade as da Real Fabrica de Conservas de Mattosinhos, dos srs. Lopes, Coelho Dias & C.ª, dos srs. Menéres & C.ª; da Real Companhia Vinicola; dos srs. Silva Carneiro & C.ª, com licores, aguardentes, vinhos e cascaria; dos srs. Borges & Irmão, composta de varios vinhos; de cortiça e rolhas dos srs. Barbosa & C.ª; do sr. Manuel d'Albuquerque, de azeites cereaes, fructas, etc.; da Companhia das Lezirias de cereaes, madeiras, cortiças, lãs, palhas, aguardentes, etc.; da Associação Vinicola da Bairrada, de vinhos e champagne; dos srs. Affonso cabral, de produtos das suas prpriedades, de vinhos, azeites, fructas, etc.; do sr. Guilherme da Silva Spartley, de vinho, especialmente Bucellas branco e tinto; dos Armazens Estrella, de vinhos, azeites e vinagres das suas propriedades; da Companhia União Fabril, de cervejas, bebidas alcoolicas, vinhos, etc.; da Companhia Agricola e Commercial dos Vinhos do Porto do Norte de Portugal, de vinhos; da firma Martins, Ferreira & Oliveira, de productos coloniaes; da Sociedade Commercial de Exportação, tecidos para as nossas colonias africanas; da Fabrica Jacintho, productos identicos; da Colonia Agricola Correccional de Villa Fernando, de productos agricolas; do Estabelecimento Humanitario do Barão de Nova Cintra, de industrias caseiras; da firma Silva & Rocha, de carvão das minas de S. Pedro da Cova.
É opinião unanime que no seu genero esta exposição é uma das mais completas que se tem realisado no Porto, não só pela variedade dos productos expostos, como pelo numero e qualidade dos concorrentes.»

           

Expo Agrícola e Industrial do Porto em 1903.8 Pub 14-08-1903

 

E para finalizar ...

«Foi por esta occasião que El-Rei o senhor D. Carlos, usando de uma das suas mais sublimes prorrogativas de monarcha constitucional, concedeu o perdão aos deportados de infantaria 18, o que deu uma nota brilhante a esta festa do progresso.»

Medalha comemorativa da "Exposição Agricola e de Productos Mineraes"

 

fotos in: Arquivo Municipal do Porto, Hemeroteca Digital

4 comentários:

Catarina H. disse...

Acho tão interessante passear nestas memórias do passado, que fazem parte nós, da nossa história. Sempre que passo aqui, viajo no tempo. Agora "fui" a esta exposição agrícola e consigo imaginar tudo. Obrigada pela partilha do passado, também é necessária.
Um feliz dia :)

José Leite disse...

Cara Catarina

Muito grato pelo seu ama´vel comentário e desejo um feliz dia, também para si.

Os meus cumprimentos

José Leite

João Menéres disse...

E vi a monumental garrafa do VITÓRIA !
Parabéns por esta ida ao passado.

Um abraço.

José Leite disse...

Caro João Menéres

Grato pelo seu comentário

Abraço

José Leite