7 de julho de 2015

Antigamente (119)

Submarino “Espadarte” na doca seca do “Arsenal da Marinha” em Lisboa

 

Gelados “Santini” na “Praia do Tamariz”, no Estoril em 1949

 

Sucursal do jornal “O Século” no Rossio, antes e depois da sua remodelação

 

Oficina “Palma & Morgado” na véspera da “Taça Cidade de Lisboa” em 24 e 25 de Julho de 1954

                                                     1954                                                                     1946

  

fotos in: Arquivo Municipal de LisboaHemeroteca Digital, Arquivo Nacional da Torre do Tombo

2 comentários:

aragonez disse...

A oficina Palma e Morgado "atravessou" a minha vida. E continua...
Era por lá que se afinavam os desportivos da Família desde os minis a outras marcas mais "económicas".
Agora com 73 aina conservo uma pequena colecção de clássicos.
A ligação ao "Palma" mantem-se: trabalha ainda comigo um dos mecanicos que de lá veio...também ele nos 73!
Mais uma vez o cumprimento por este seu blogue. Bem haja.
Nota: Augusto Palma, filho de Manuel Palma (o fundador)continua a trabalhar nos automóveis!

José Leite disse...

Caro Sr. Aragão

Muito grato por estas informações adicionais.

Manter "clássicos" é uma paixão e hobby muito interessantes e louváveis.

Nisso os ingleses são experts e imbatíveis.

Nós, país mais modesto, vamos mantendo uma série de belíssimos coleccionadores, dentro da nossa dimensão, claro.

Com os meus agradecimentos, os meus cumprimentos

José Leite